Bragança vai sediar o I Encontro Internacional de História Antiga e Medieval na Amazônia

Bragança receberá pesquisadores do Brasil e do exterior para Encontro de História Antiga e Medieval


Pesquisadores do Brasil, Argentina, Inglaterra e Turquia estarão na cidade de Bragança, no nordeste paraense, para o Primeiro Encontro Internacional de História Antiga e Medieval na Amazônia, que vai ocorrer no período de 7 a 9 de abril. O evento visa ampliar o conhecimento de alunos e professores sobre o campo da História, em especial, sobre o mundo antigo oriental e clássico e o período da Idade Média. Pretende, ainda, fortalecer as pesquisas que são realizadas na Região Norte do País. 

O Encontro é promovido pela Universidade Federal do Pará (UFPA), em parceria com a Universidade Federal do Amapá (UNIFAP), por meio da Faculdade de História de Bragança (UFPA), juntamente com a Faculdade de História de Cametá (UFPA) e o curso de História do Oiapoque (UNIFAP), com o apoio do Programa de Pós-Graduação de Letras e Saberes da Amazônia (PPGLS/UFPA) e do Programa de Pós-Graduação em Biologia Ambiental (PPBA/UFPA). 

De acordo com um dos coordenadores do evento, professor Josué Berlesi, “o evento tem implicação direta na vida acadêmica dos alunos, uma vez que, por conta do pouco espaço destinado aos Períodos Antigo e Medieval dentro da graduação, é preciso buscar espaços alternativos para reforçar a importância desses períodos”. 

Programação - Ocorrerá no Campus de Bragança e inclui conferências, mesas-redondas, oficinas e minicursos. Os professores do curso de História da UFPA, Thiago Porto e Roberta Alexandrina, vão contribuir com os estudos sobre a Idade Média e a Antiguidade Clássica, respectivamente. “Esses professores têm atuado no sentido de formar uma comunidade de pesquisadores antiguistas e medievalistas. Os seus orientandos participarão das mesas de comunicações divulgando os resultados das pesquisas realizadas em Bragança”, destacou o professor Josué Berlesi. 
 Conferências – Dois pesquisadores de renome internacional, Ian Wood (Universidade de Leeds, na Inglaterra) e Alfonso Rodriguéz (Universidade de Buenos Aires), vão proferir as Conferências Magnas. O primeiro é especialista em invasões bárbaras e o segundo pesquisador estuda a Época Cariolingia. “Além da importante contribuição acadêmica dos referidos docentes, pesou na escolha desses nomes o fato de já existirem contatos anteriores entre os organizadores do evento e os referidos pesquisadores, o que demonstra o caráter de cooperação internacional nas áreas de História Antiga e Medieval”, afirmou Berlesi. 

Nos minicursos, destaca-se o trabalho do professor José Maria Neto, que promoverá uma atividade sobre História Antiga e Cinema. Nas mesas-redondas, participarão pesquisadores de seis Estados brasileiros. Eles vão abordar temáticas relacionadas ao Mundo Antigo e Medieval. Já o professor André Chevitarese, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), que já esteve em outras oportunidades na UFPA, falará sobre a História do Cristianismo Primitivo. 

Inscrições – O Primeiro Encontro Internacional de História Antiga e Medieval na Amazônia está direcionado aos alunos de graduação, docentes das redes de ensino municipal e estadual e demais interessados sobre a temática. As inscrições são realizadas pelo site do evento: http://infohistoria.org/eihamam.


Texto: Ericka Pinto – Assessoria de Comunicação da UFPA
Imagem: Divulgação

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Imprimir/Salvar em pdf

ESCREVA NO MURAL

Seja bem vindo(a)! Fique a vontade para deixar o seu recado.